Does it make any sense?! No? So, welcome.
02
Set 07
publicado por Andi, às 01:25link do post | comentar

Insularidade:

 

qualidade ou carácter do que é insular;
isolamento em ilha;
configuração ou situação de um país composto de uma ou mais ilhas.
(Retirado da internet)

Para muitas pessoas, insularidade é apenas uma palavra grande e "cara", como diz um bom português, nem sei se a maioria das pessoas sabe o seu significado, mas sei que as pessoas que me rodeiam a sentem, e eu também claro. É esse o resultado de viver em ilhas solitárias no meio do oceano, que é uma constante no nosso olhar e na nossa vida quotidiana.

Não pensem que eu não gosto de viver nos Açores, bem pelo contrário. Gosto bastante, e há todo um misticismo, mistério que envolve estas terras e as suas gentes que me fascina. Principalmente as histórias de outrora que os mais idosos recordam com uma voz carregada de sentimento e saudade. Começará sempre com um "No meu tempo...". Mas não é dessas histórias que me entusiasmam e me prendem que quero falar aqui.

A insularidade tem consequências em muitos aspectos da vida açoriana e toma diferentes formas. Mas há uma particularidade -  a pronúncia e a linguagem. Nestas ilhas de bruma, é para nós, seus habitantes, claramente identificável um continental, apenas basta que fale. E claro, vice-versa. No entanto, até entre as várias ilhas se notam claras diferenças nas pronúncias. Admito que até é preciso algum sentido auditivo apurado para distinguir o que dizemos, por vezes.

 

A linguagem essa, sofreu algumas alterações devido as variâncias culturais que temos atravessado. A elevada percentagem de emigração para os Estados Unidos e para o Canadá fizeram com que "aportuguesássemos" muitas das palavras. Outra curiosidade é que o pronome pessoal "Nós" é bastante escasso por aqui. Utilizámos, ao invés deste, o "agente", e note-se que não acho errado fazermos isso, se o fizermos correctamente. Pronto e aqui ficam algumas palavras e expressões, e respectivo significado à frente,  provenientes destas ilhotas perdidas no Atlântico ( perdidas até alguém se lembrar novamente do ponto estratégico que somos...):

 

-"É uome"; Expressão que significa espanto e assombro , em português " É homem"

-"Samarra"; Significa casaco

-"Mapa"; O mesmo que esfregona

-"Gasolinha"; Isqueiro

-"Candinhos"; Vem do inglês "candies", e significa doces

-"Raiuai"; Vem do inglês "highway", e significa auto-estrada

-"Gama"; Vem do inglês "gum" e significa pastilha elástica

-"Pana"; Proveniente da palavra inglesa "pan" e siginifica um recipiente de plástico

-"Blica"; Pénis

-"Paranhos"; Teias de aranha

-"Corisco mal-amanhado"; Designação que os terceirenses tanto gostam de apelidar os micaelenses

-"Guindar"; Atirar

-"Friza"; Proveniente da palavra "freezer" e significa congelador

-"Atoleimado"; Tolo

-"Sinó"; Originário da palavra "snow" que significa neve

-"Basse"; Originário da palavra "bus" que significa autocarro

-"Naião"; O mesmo que homossexual

-"Vento encanado"; Correntes de ar

-"Fogo t'abrasse"; Expressão que siginifica o mesmo que "Vai dar uma volta"

-"Mãn abence"; Pedido de benção à mãe, neste caso

-"Gueixa"; Bezerra

-"Gadanhos"; Sentudo figurado para mãos

-"Rebendita"; Vingança

-"Mais melhou"; Erro de português, melhor era suficiente

-"Vencimente" Proveniente do inglês "Basement" e é utilizado para descrever a base aérea

-"Meítos"; Meias

-"Estôa"; Originário do inglês "store" e significa loja

-"Estás bem amanhado"; Estás num sarilho

-"Trela"; Proveniente da palavra inglesa "trailer" e significa atrelado 

-"Rár aták"; Proveniente da palavra inglesa "heart attack" e significa ataque de coração

-"Ilhó"; olho do c*

-"Suera"; Proveniente da palavra inglesa "sweater" e significa camisola

-"Fominha negra" Muita fome

-"Penca"; Nariz

-"Clauseta"; Proveniente da palavra inglesa "Clouset" e significa roupeiro

-"Microeives"; Proveniente da palavra inglesa "microwave" e significa micro-ondas

-"Macaquins"; Desenhos animados

-"Cramalheira"; Queixo, dentes ou cabeça (não há muito consenso em relação a esta palavra)

-"Nisca de gente"; Criança, ou sentido figurado para pessoa insignificante

-"Frejoeira";Proveniente da palavra inglesa "refrigerator" e significa frigorífico

-"Morrinha"; Cheiro mau, doença, que enjoa

-"Arrebentar"; Rebentar

-"Alvarozes"; Proveniente da palavra inglesa "overalls" e significa jardineiras ou fato-macaco

-"Falsa"; Sótão

-"Gárbiche" Proveniente da palavra inglesa "garbage" e significa lixo

-"Barbaquiú" Churrasco

-"Tal desteza!" Significa "Tal tristeza" e expressa desagrado

-"Discreteza" Inteligência

-"Nesga" Um pouco

-"Ragafa" Garrafa

-"Ragafão" Garrafão

-"Arreganhar" Mostrar os dentes

-"Pela" Almofada

- "iê" eu

-"requinho" giro

- "abinçoado" abençoado

- "Abaniar" - Atirar

-"Cemenos" - Pessoa que não pesta

-"Há lepra" pessoas má, tipico das lajes do Pico

-"Demoino" - Pessoa má, provem da palavra "Demónio"


 

Ps. Após ter assassinado a lingua portuguesa várias vezes, deixo aqui um convite para indicarem termos/expressões açorianas que não referi aqui.

 


 

Pss. Aproveito também  para agradecer àqueles que me deram uma ou outra sugestão, aos meus colaboradores... :P
sinto-me: açoriana de gema
música: C(h)aramba - música tradicional aqui deste cantinho

Olá Andi. Muito bem. Agora também fazes serviço publico. Obrigado por me ensinares todos estes regionalismos novos.
Abraço
Flame a 3 de Setembro de 2007 às 11:38

Olá Flame, sim apeteceu-me por a descoberto a minha veia de açoriana. De nada, espero que te dêm jeito algum dia!! :P
Beijinhos.
Andi a 3 de Setembro de 2007 às 20:29

pesquisar neste blog
 
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14

16
18
20
21
22

23
24
26
29

30


blogs SAPO