Does it make any sense?! No? So, welcome.
26
Jan 11
publicado por Andi, às 21:44link do post

O tema: Preconceitos. Quando vi o tema pensei em muitas situações, muitas injustiças nas quais eu senti esse terrível sentimento, ou pessoas próximas de mim o sentiram. Analisando bem, sinto que sou sempre "vítima" desse tipo de ideias, as pessoas esperam sempre coisas diferentes das quais eu proponho para mim mesma. Mas vivo bem assim, se calhar vivo melhor do que viveria se soubessem o meu verdadeiro conceito.

 

Adiante, fui ver a definição da palavra, para não cair no erro de ter um preconceito quanto a ela. E deparei-me com a definição:

"Opinião desfavorável que não é baseada em dados objectivos"

 

Retirada daqui.

 

O problema, para além do óbvio - de os preconceitos darem origem às maiores injustiças possíveis, é que por vezes os preconceitos tornam-se verdadeiros nalgumas pessoas. E mais uma vez, a tão brilhante racionalidade humana faz-nos generalizar, o que acaba por levar a mais preconceitos. É um ciclo vicioso. Uma bola de neve prestes a tornar-se numa avalanche descomunal. Detesto bolas de neve. Não há como fugir delas, a única coisa a fazer é encarar, tentando não nos borrarmos de medo.

 

Preconceitos. Conheço o termo. Acho que quase todos conhecemos. Conhecemos e praticamos. Mea culpa.

 

 

 

 


De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




pesquisar neste blog
 
Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
27
28
29

30
31


subscrever feeds
blogs SAPO